logo imag
Imagens médicas pela vida
Saúde em Boas Mãos

Ecografias Obstétricas

27/01/2016 - 10:53 Por IMAG
Ecografias Obstétricas
Categorias :
icon comentarios 1 Comentário

Numa gravidez normal fazem-se três ecografias “obrigatórias”.
Saiba para que serve cada uma delas e o que pode ver no ecrã mágico.

A ecografia do 1º trimestre é idealmente realizada entre as 11 e as 14 semanas de gestação.
Os objetivos da 1ª ecografia são:
- Localização do saco gestacional (intrauterino ou ectópico)
- Avaliação da viabilidade fetal;
- Determinação da idade gestacional através da medição do CRL (comprimento crânio caudal);
- Avaliação de gravidez múltipla (nº de fetos);
- Diagnóstico de malformações congénitas;
- Rastreio de cromossopatias através da medição da T.N. (translucência da nuca) em primeira linha e eventualmente presença ou ausência do osso nasal, avaliação do ducto venoso e avaliação do fluxo da válvula triscúpide no coração (métodos de rastreio de 2ª linha).

Este exame pode ser efetuado por via abdominal ou por via vaginal, consoante a posição fetal.

A ecografia do 2º semestre é idealmente realizada entre as 18 e as 22 semanas. O estudo morfológico permite avaliar a anatomia fetal e detetar eventuais anomalias da constituição física ou da estrutura dos órgãos, desenvolvimento e ambiente fetal.

Os objetivos da ecografia morfológica são:
- Avaliação detalhada da ecoanatomia fetal externa e interna para o diagnóstico de anomalias fetais;
- Avaliação da biometria fetal para disgnóstico da restrição de crescimento intrauterina numa fase precoce da gravidez;
- Determinação da quantidade de líquido amniótico, da localização e morfologia placentares.

Os objetivos da ecografia do 3º trimestre são:
- Avaliação dos parâmetros biométricos do desenvolvimento do ambiente fetal e estimativa do peso fetal;
- Determinação do perfil biofísico fetal (PB) em fetos com mais de 26 semanas, que consiste na avaliação de quatro variáveis ecográficas (movimentos respiratórios, movimentos corporais, tónus, volume de líquido amniótico).

As ecografias 3D e 4D são usadas como complemento da ecografia bidimensional, é uma tecnologia que permite uma reconstrução volumétrica das estruturas, seja estática (3D), ou em tempo real (4D). Esta técnica permite obter imagens muito mais reais e compreensíveis para a família no que diz respeito ao bebé, principalmente no que diz respeito à face e às extremidades.

‪#‎IMAG‬ ‪#‎ImagensMédicasPelaVida‬ ‪#‎Ecografia‬ ‪#‎EcografiaObstétrica‬

Comentários

Os comentários estão fechados

Arquivos
Tag Cloud