logo imag
Imagens médicas pela vida
Saúde em Boas Mãos

A importância de demolhar as sementes

20/09/2017 - 11:16 Por IMAG
A importância de demolhar as sementes
Categorias :
icon comentarios 0 Comentários

 

Sabia que as sementes (leguminosas, oleaginosas e cereais integrais)  devem ficar de molho algumas horas antes de cozinhar ou consumir?

 Colocar as sementes em água não só ajuda a cozinhar mais rápido, mas também a diminuir a flatulência que alguns destes alimentos podem provocar.

Porque é importante demolhar?

Enquanto estão na natureza as sementes encontram-se num estado “adormecido” e só se desenvolvem quando sentem que estão reunidas as condições ideais. As sementes possuem mecanismos de defesa que incluem inibidores de enzimas, substâncias tóxicas e anti-nutrientes que permitem que todas as suas propriedades se mantenham intactas até ao momento que em entram em contacto com a água, por exemplo com a chuva e aí começa o de germinação e cresce uma nova planta.

Quando demolhamos as sementes, estamos a criar este processo que acontece na natureza, iniciando a germinação. É desta forma as enzimas começam a ser produzidas. As proteínas, os minerais, e as vitaminas ficam biodisponíveis e são mais facilmente assimilados pelo nosso organismo.

Inibidores de enzimas – As enzimas dividem-se em dois tipos de enzimas, as digestivas (ajudam no processo de digestão dos alimentos) e as metabólicas (ajudam nos processos biológicos do corpo). Os inibidores de enzimas que estão presentes nas sementes, leguminosas, oleaginosas e grãos ajudam no seu processo de conservação da semente antes da germinação, mas se forem ingeridos pelo nosso organismo prejudicam não só o processo de digestão como impossibilitam a assimilação das suas proteínas, minerais e vitaminas.

Anti-nutrientes  (ácido fítico) –  Muitos dos cereais integrais ou grãos, e também algumas sementes contém ácido fítico  que é uma forma utilizada pela planta para armazenar fosforo (este só é absorvido pelos animais ruminantes). O ácido fítico quando não é eliminado ou neutralizado pelo processo de demolhar liga-se a vários minerais como o Cálcio, Magnésio, Cobre, Ferro e Zinco impedindo a sua absorção.

 

O que acontece quando demolhamos?

  • Melhora a digestão destes alimentos (aumentamos a atividade enzimática)
  • Remove/reduz o ácido fítico (aumentamos a biodisponibilidade do zinco e ferro)
  • Neutraliza os inibidores de enzimas
  • Melhora a absorção de vitaminas principalmente do complexo B
  • Melhora a absorção das proteínas
  • Melhora o sabor (diminuí os taninos que são responsáveis pelo sabor ais adstringente)
  • Diminui o processo de cozedura

Vamos demolhar?

1º – Escolha recipiente de preferência de vidro ou de cerâmica, com o dobro da água à temperatura ambiente. As leguminosas que demoram mais tempo a demolhar devemos trocar a água.

2º – Deitar fora a água depois de demolhar (pois contém toxinas), devemos lavar novamente os alimentos com água limpa e só depois consumir ou iniciar o processo de cozedura.

Sugestão para demolhar de uma forma mais eficaz  – Junte 1 colher de sopa de sumo de limão ou vinagre de maçã por cada chávena de água  que estamos a usar para demolhar o alimento (este processo ajuda a acelerar o processo de eliminação dos fitatos)

 

Por quanto tempo devemos demolhar?

O tempo vai variar com o tipo de semente, mas o ideal é deixar durante a noite e consumir ou cozinhar no dia a seguir. No caso das leguminosas o ideal é deixar de molho por 24 horas pois este tempo permite eliminar as substâncias indesejadas, reduz o processo de cozedura e diminuir o desconforto na digestão nomeadamente na redução dos gases. Outro truque é usar um pedaço de gengibre (torna as fibras das leguminosas mais macias e digeríveis)

 Quais os alimentos que devemos demolhar?

  • leguminosas secas (feijões secos, lentilhas, grão de bico, ervilhas secas, favas secas)
  • Oleaginosas e sementes (amêndoas, avelãs, cajus, nozes, sementes de girassol, abobora)
  • Cereais integrais/grãos ( arroz integral, grão de trigo, de cevada, de centeio, de aveia, trigo-sarraceno, quinoa)

Não precisa de demolhar: macadamias, pistachios, pinhões, castanha do Brasil, sementes cânhamo, sementes de chia (mas devem ser consumidas hidratadas), sementes de linhaça (desde que trituradas na hora)

Comentários

Os comentários estão fechados

Arquivos
Tag Cloud

Ao continuar a navegar no site, concorda com a utilização de cookies. Mais informação